Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

VERSOS DE AMÉRICO ARAÚJO

VERSOS DE AMÉRICO ARAÚJO

A vida é como a moeda

Ainda não vivi muito
mas pouco também não
após todo este tempo
tenho a minha opinião

Acerca do que já vivi
pouco a pouco nesta vida,
ditados e provérbios do povo
cada qual pode ter outra saída

Digo isto porque sei
como muita gente também
que a moeda tem duas faces
e escolhemos a que nos convém

Tudo na vida é bom,
menos bom também se pode dizer
depende muito simplesmente
da forma que se quer ver

O que é bonito para alguém
não o é para outra pessoa
como posso dizer que não presta
se há quem ache ser coisa boa

Os gostos são relativos
pena é nem sempre se pensar assim
eu respeitar a opinião de outras pessoas
para que me respeitem a mim

Em tudo o que aprendi
já isto ouvi falar
quando se nasce torto,
jamais se irá endireitar

Como também já ouvi
tanta gente assim dizer
não interessa donde nasce,
mas sim com quem vai aprender

E junta-te a um bom…
é provérbio de recomendação
porque junta-te a um fraco…
frases que encaixam na perfeição

Mas na outra face da moeda,
vamos ver o que está representado
dizem que teve sorte em quem encontrou
senão não iria a nenhum lado

Agora se eu fizer contas
afinal a matemática faz parte da vida
somando dois mais dois dá quatro,
serpente, em andorinha é convertida

Ou então outra conta faço,
forte inclinação a ser de multiplicar
inverte-se a situação nas contas
na serpente a andorinha se vai transformar

De novo a moeda em acção
para nas duas faces reparar
quem nasce torto não se endireita
mãe é quem acaba por educar

A moeda tem uma face
onde o valor não é mencionado
só que uma face sem a outra
tínhamos o caldo entornado.

Américo Araújo AGRACECE A VISITA

 

Comentários

comentados

Deixar uma mensagem aqui